Closer – Capítulo 21

22 10 2010

POV KRIS

 

Aqueles dias passaram muito devagar. Não sei se pelo fato de termos trabalhado pouco, pois a maioria das cenas exigia a presença dele, ou se pela minha agonia de vê-lo novamente. Ashley agora era minha guarda-costas. Eu não dava um passo para fora do hotel sem ela, o que era bom na verdade. Ter companhia diminuía um pouco a minha tristeza. Mas à noite, as coisas eram bem diferentes. Todo dia antes de dormir, eu pegava meu telefone e escrevia uma mensagem para ele, mas eu nunca enviei nenhuma. Robert não me deu noticias, mas eu esperava o que?

 

Porém, na quinta-feira, meu telefone tocou e vi na tela que era o código de Londres. Meu coração falhou uma batida.

 

“Kristen?”

 

“Clare?”

 

“Sim, sou eu querida.” – Acho que ela sentiu a decepção na minha voz.

 

“Oi Clare, como vocês estão?” – Será que ela percebeu o plural?

 

“Eu e Richard estamos bem, Robert, nem tanto.” – Sim, ela percebeu.

 

“Adianta dizer que eu estou arrependida, Clare? Você acreditaria em mim?”

 

“Não chora, Kristen. Sim, eu acredito em você.” – Já com o filho dela seria bem diferente.

 

“Eu sinto muito. Mesmo. Eu queria ter a oportunidade de dizer isso à ele.”

 

“Você vai, querida, mas na hora certa. Dê a ele esse tempo.”

 

“É só o que eu posso fazer no momento. Eu espero o tempo que for preciso, Clare. Eu tenho que, pelo menos, tentar consertar as coisas. Eu…”

 

“Eu sei que você o ama. Por isso eu te liguei. Eu quero te pedir uma coisa. Você faria isso por mim?”

 

“Qualquer coisa. Pode falar.”

 

“Robert nem sonha que estou falando com você, e é melhor que continue sem saber. Mas vou dizer o que eu quero de você. É provável que quando ele voltar, ele te procure para uma conversa, e não vai ser fácil nem para você, nem para ele, mas vocês devem começar a conversar por causa dessa criança que você carrega. Me prometa que vai aceitar as condições dele, por mais que você ache que não deve. Eu estou te pedindo, Kristen, porque eu tenho mais experiência que vocês dois e consigo ver as coisas com outras perspectivas. Prometa que vai pensar na nossa conversa, quando essa hora chegar.”

 

“Eu prometo, Clare. Só o fato de você não me odiar, já lhe dá o direito de me pedir qualquer coisa, e eu preciso que ele me perdoe. Eu faço qualquer coisa pelo perdão dele.”

 

“Pode demorar, mas ele vai te perdoar minha filha. Ele ainda te ama muito e agora, bem, o meu netinho está envolvido… Nós estamos muito felizes, Kristen. De verdade.”

 

“Obrigada Clare. Eu não mereço a sua consideração depois de tudo o que eu fiz o seu filho passar, mas eu  prometo que eu vou fazer o que for necessário para consertar meus erros. E eu também estou muito feliz com o bebê. Desde o primeiro minuto.”

 

“Certo, então ficamos assim. Lembra o que eu te pedi quando chegar a hora. Agora eu preciso desligar porque ele está dormindo lá em cima e pode acordar a qualquer momento. Se cuida, minha filha, e cuida do meu neto também.”

 

“Pode deixar, Clare e obrigada, por tudo.”

 

“Não foi nada, minha filha. Eu só quero ver o meu filho feliz novamente.”

 

E foi assim que eu dormi naquela noite. Sem chorar pela primeira vez em mais de dois meses. Clare me devolveu a esperança, mesmo que fosse mínima. E eu me agarrei nela. Não era muito, mas era o que eu tinha. Será que ele ainda me amava?

 

[…]

 

Acordei naquela manhã  com o despertador berrando nos meus ouvidos e quando fui me levantar, o quarto girou e eu me obriguei a deitar novamente. Meu estômago dava sinais de revolta, e eu tinha que chegar no banheiro. Me arrastei até lá, mas caí quando cheguei perto do vaso. Eu estava suando frio, nunca tinha sido assim tão forte o meu mal estar.

 

Não sei quanto tempo fiquei ali chorando e apavorada, mas o meu celular começou a berrar no quarto e eu sabia quem era. Cinco minutos para Ashley entrar por aquela porta, mas hoje eu não me importava com a sua exagerada preocupação. De jeito nenhum eu conseguiria levantar dali sozinha.

 

Ouvi vagamente sua voz na entrada do quarto chamando por mim, mas estava sem forças para responder. Ela viria até aqui quando não me visse na cama.

 

Em seguida senti duas mãos na minha cintura me erguendo daquele chão gelado, mas não eram mãos femininas e aquele perfume… eu reconheceria a quilômetros de distancia. Rob.

 

“Me ajuda aqui, Ash! Pega uma toalha, molhe em água fria e traga aqui.” – Eu não queria acordar, esse sonho era tão bom.

 

“Kristen, você pode me ouvir?” – A voz dele era fria, sem emoção, mas eu não me importei. Ele estava falando comigo e eu estava satisfeita.

 

“Minha cabeça…” – Consegui sussurrar.

 

“Está doendo, Kris?” – Agora era Ashley conversando comigo, e eu queria dizer para ela não falar, eu queria escutar mais do Rob. Que sonho louco.

 

“Não, está tudo rodando…”

 

“É a pressão dela que está muito baixa. Rob, me ajuda aqui, ela tem que deitar de lado.”

 

Me senti sendo virada e travesseiros foram colocados embaixo dos meus pés. Dois de algum tempo a tontura foi cedendo e as coisas pararam de rodar. Abri os olhos e Ashley estava sentada na minha cama, ao meu lado segurando a minha mão.

 

“Que susto, amiga. Dessa vez foi feio.”

 

“Eu achei que ia morrer aqui sozinha.” – Aquilo realmente me assustou, e eu chorei mais uma vez na frente da minha amiga.

 

“Não fala assim.” – Aquela voz… Meu Deus, não era sonho. Era ele mesmo. Me virei lentamente e o vi encostado na parede do outro lado da cama.

 

“Rob? Você não estava…”

 

“Eu cheguei essa  noite. Tem um filme me esperando. Acabou a folga.” – Seus olhos estavam inexpressivos, não eram os olhos que eu amava. Ele estava frio, distante.

 

“Por falar em filme, acho que  eu já estou melhor. Vamos?”

 

“Tem certeza, amiga? A gente pode avisar o pessoal…”

 

“Não Ash, vamos trabalhar. É só o tempo de tomar um banho.”

 

“Eu vou indo, então.” – Robert saiu do quarto sem dizer mais nada e eu aproveitei para interrogar a minha anja.

 

“O que ele veio fazer aqui?”

 

“Menina, a gente estava lá embaixo tomando café e eu comecei a ficar preocupada com a sua demora, você nunca se atrasa. Quando você não atendeu o celular, eu vi que algo estava errado e resolvi subir. Robert estava ao meu lado e viu que eu estava incomodada, então eu achei que não teria problema de dizer para ele que era com você que eu estava preocupada. Ele chegou no elevador antes de mim.”

 

“Você está tentando me animar, eu sei. Eu vi o olhar frio dele, e ele teria vindo ajudar quem quer que fosse, Ashley. Foi solidariedade nada mais.”

 

“Eu vi a preocupação no rosto dele, mas se você quer pensar assim, tudo bem. Agora se veste que a gente já está atrasada.”

 

—–

E ai, agora ele voltou *-*

Amanha tem mais ok?

kkkkkkkkkkk

brincadeira.. eu prometi, ta prometido.

a tarde eu posto mais um capítulo

Anúncios

Ações

Information

7 responses

22 10 2010
Maah campelo

Hahahahaa esperando O cap extra!! Ta mto Booa!!

22 10 2010
Mariana

Eithaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa que vai começar a esquentar!! É tão lindo essa preocupação dele!!!!! Tmara que ele perdoe logo e os dois fiquem juntos!
Esperando ansiosa pelo extra!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

22 10 2010
Dri

Gente que coisa mais fofinha ele preocupado com ela… quero mais!!!
Louca pelo extra! Já na espera!!!!!!!!!!!!!!!!

22 10 2010
Daniele

EXTRA! EXTRA! EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!EXTRA! EXTRA!…

22 10 2010
LAURA

OBAAAAAAAAAAAA!!!! HJ TEM EXTRA! JÁ TO ESPERANDO!!!!!!!!!!!!!

22 10 2010
juliana karine

tomara que coloque logo. ta bom d+

23 10 2010
karla beatriz

aaaai ele é mtmtmt lindo
e tão lindo a preocupação dele com ela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: